Fique por dentro

Abril Azul: Prevenção do Câncer de Esôfago

Representado pelo laço azul claro, o câncer de esôfago também é lembrado neste mês de abril, a fim de alertar sobre a prevenção e o diagnóstico precoce desta doença.

Alguns fatores de risco aumentam a chance de desenvolver câncer de esôfago, tais como: tabagismo e alcoolismo podem causar câncer de esôfago por danificarem o DNA das células que revestem o interior do órgão; irritações de longa data do revestimento do esôfago, como acontece com o refluxo, o esôfago de Barrett, acalasia, síndrome de Plummer-Vinson ou cicatrização após ingestão de soda cáustica, também podem provocar danos no DNA.

Os sintomas desta patologia incluem dificuldade para engolir, perda involuntária de peso, dor no peito, piora da indigestão ou azia e tosse ou rouquidão. Porém, ter um ou mais destes sintomas não significa que a pessoa tenha câncer de esôfago. Ainda assim, se você tiver algum destes sintomas, principalmente dificuldade para engolir, é importante que seja acompanhado por um médico para que a causa possa ser diagnosticada e tratada. O tratamento se concentra na remoção do câncer por meio de cirurgia. Também é possível fazer quimioterapia e radioterapia. (Oncoguia)